A importância dos pelos pubianos para a mulher

Quando assunto são pelos pubianos, sempre há controvérsias. Isso porque nem todas as mulheres gostam de manter e preferem aguentar firme uma depilação íntima – e a dor e o incomodo que causa – e gastar todo mês dinheiro com isso, do que deixar a vagina “ao natural”. Mas, por que será que a maioria de nós preferem retirar tudo?

Bom, a verdade é que a mulher é livre para fazer o que quiser com a sua região intima, depilar ou não, o que importa é se sentir bem. Porém, a depilação total tem aquela ideia de ser “mais limpo e bonito”, além do cuidado na hora da higiene ser mais fácil.

No entanto, a grosso modo, é só isso o que tem a oferecer. Ainda que não seja comprovado que a depilação total traga riscos à saúde intima, muitos médicos recomendam que os pelos não sejam completamente retirados, visto que servem como proteção para a região intima.

Vantagens e desvantagens

Ao optar pela depilação total da região intima, é sempre importante estar atenta as vantagens e desvantagens dessa técnica e em como podem influenciar na sua saúde depois de feita. Veja abaixo o que deve levar em consideração antes do procedimento:

– Vantagens

  • Controle do odor: para quem tem muito corrimento ou que não se limpa corretamente depois que urina, a presença de pelos pode intensificar o aparecimento de um odor desagradável;
  • Questão estética e visual: mais do que dar um ar mais sensual para às mulheres jovens, nas faixas etárias após a menopausa, a depilação genital pode ter um aspeto positivo já que nesta fase os pelos tendem a ficar brancos e mais ralos.

 

– Desvantagens

  • Aparecimento de infeções: os pelos protegem a uretra e a vulva e, por isso, previnem infeções urinárias e vaginais;
  • Irritação na pele: depilar a região intima deixa os poros expostos e abertos, o que pode causar irritação na pele.

 

Ter ou não ter?

Como dito a cima, o que importa é estar bem consigo mesma. Apesar da maioria dos especialistas garantirem que manter os pelos pubianos seja bom para a saúde da mulher em diversos aspectos, ter ou não ter vai de gosto. Só é preciso tomar os devidos cuidados nas duas situações para que não haja problemas futuros em sua saúde intima.

Se você prefere depilar tudo, não exagere na quantidade de depilações, pois a cada sessão que você faz, os poros são lesionados e ficam abertos, o que pode acarretar na entrada de bactérias e assim provocar infecções.

Caso você queira manter os pelinhos mais compridos, certifique-se sempre de higienizar bem a região intima para evitar o acumulo de secreções que o corpo libera naturalmente.

Deixe seu cometário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *